Colagem de Christian Marclay

Mashups Musicais

Quem me conhece sabe que adoro um Mashup Musical (meu TCC em Estéticas Tecnológicas até me levou a esse assunto).

Mashup Musical é quando duas ou mais músicas são remixadas em uma nova obra que é diferente das anteriores. É um diálogo que nasce entre elas. Uma possibilidade não vislumbrada por seus originais autores que possivelemente nunca cruzariam o mesmo palco juntos. Seja pela diferença de estilos musicais, ou pelo diferente período em que viveram.

Outra função dos Mashups Musicais pode ser um registro das músicas de uma determinada época. Como o DJ Earworm faz com suas retrospectivas musicais dos Hits Pop de cada ano, o United State of Pop de 2008, 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014 e 2015. Com o remix dos clipes, fica mais divertido de assistir também. Já imaginou que interessante ficaria essa máquina do tempo musical com a evolução do projeto?

Claro que há Mashups em outras áreas das artes e do conhecimento. Tarantino, por exemplo, é o mestre do mashup no cinema (em minha humilde opinião). E cada monografia ou trabalho acadêmico não deixa de ser um Mashup das ideias previamente expostas na Bibliografia.

Mas nenhum vídeo para provar que nada se cria, tudo se transforma será melhor do que o documentário Rip! A Remix Manifesto, com um o excelente produtor de Mashups, o DJ Girl Talk.

Reserve um tempo na sua semana para assistir esse documentário. Vale muito a pena.

Créditos da imagem: Christian Marclay, artista contemporâneo e compositor – colagem de diferentes capas de álbuns musicais. Página do MOMA sobre o artista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *